O projeto parte de um programa extenso de equipamento urbano e habitação, 40 casas de dois dormitórios, 100 casas de três dormitórios, 60 casas de quatro dormitórios e dez casas de luxo. Há ainda uma escola primária para crianças, um banco, um mercado, um edifício da polícia e um edifício com usos mistos. A intenção do projeto foi criar a maior superfície de espaços verdes nas circulações veiculares e pedonais, nos pátios privados das casas e ainda a incorporação de jardins nos espaços comuns.

Localização: Sumbe, Angola
Ano: 2012
Área: 226,088m2
Arquiteto colaborador: Irving de la Rosa